Buscar

Clínica Cattai está atendendo casos de espasticidade através da telemedicina


A fim de proporcionar atendimento aos pacientes com espasticidade que desejam informações e orientações sobre possibilidade de tratamentos, a Clínica Cattai está atendendo através da telemedicina.

O serviço é gratuito, não precisa de encaminhamento, e funciona como uma triagem à distância para pessoas do Paraná com espasticidade, uma sequela de doenças neurológicas que causa enrijecimento dos músculos de membros superiores e inferiores, dificultando ações simples do dia a dia como caminhar.

Segundo Ligia Cattai, médica fisiatra especialista em Toxina Botulínica, o projeto visa atender pacientes com o desejo de conhecer os possíveis tratamentos da espasticidade, tirar dúvidas sobre um recurso terapêutico que já conhece ou técnicas de reabilitação, incluindo a toxina.

Motivados pela pandemia, há pacientes, cuidadores ou terapeutas receosos em sair de casa para ir a um ambiente médico por causa do Covid-19. “A telemedicina está auxiliando muitas pessoas que possuem sintomas de diversas doenças, tem receio de sair de casa, mas podem ser medicadas, orientadas, e receberem atestados à distância, pelo seu médico”. A Lei 13.989/20 é a responsável por regular o serviço.

Ligia comenta que a telemedicina da clínica funciona como uma triagem àquele paciente em busca de tratamento para espasticidade. “Através de uma videochamada esse paciente vai me relatar o que sente, se teve alguma doença, como AVC, se faz fisioterapia, medicações de uso, entre outros”.

Se na triagem digital ficar constatada que a pessoa se encaixa para tratamento, a médica pode enviar por e-mail receitas, pedidos de terapias, atestado e inclusive orientar, nos casos da necessidade de aplicação de toxina botulínica, como paciente deve proceder.

No caso da Toxina Botulínica, por convênios ou tratamento privado, será feito um agendamento para aplicação na Clínica Cattai com diferença de no mínimo 1 hora entre um paciente e outro, além de todas as medidas de prevenção ao Covid-19. Em casos de paciente acamados residentes em Ponta Grossa, a médica pode fazer a aplicação em casa.

Para receber atendimento através da telemedicina, os interessados devem entrar em contato com a Clínica Cattai através do whatsapp (42) 98806-1606, informar que deseja atendimento por telemedicina. Não é necessário encaminhamento de outro médico. Basta agendar.

A secretária da Clínica vai enviar um formulário desenvolvimento pela empresa CME Telemedicina para atestar a segurança da consulta online e na data e horário escolhido, a médica Lígia Cattai entrará em contato. É importante que os interessados possuam boa conexão com a internet e a câmera do dispositivo esteja funcionando.

O projeto de Telemedicina da Clínica Cattai conta com apoio da CME Telemedicina, Prof. Edson Luiz e Yukê Comunicação.

#clientes

© 2018-2020 - Yukê Comunicação

Criado por Yukê Comunicação

Política de privacidade

Siga a gente:

  • Instagram
  • Facebook ícone social