top of page
Buscar

Agroleite movimenta os hotéis da região dos Campos Gerais

Cliente: Ponta Grossa Campos Gerais Convention & Visitors Bureau


Segundo mapeamento do Convention, a expectativa é de taxa de ocupação entre 80% e 90%



Se tem um evento que movimenta a hotelaria dos Campos Gerais é o Agroleite, atividade realizada em Castro, que recebeu, em sua última edição, mais de 120 mil pessoas e movimentou mais de R$149 milhões.


Na cidade-sede do evento, a hotelaria começa a se preparar bem antes. Luiza Borg, gerente do Hotel Borg, pontua: 2022 já havia pré-reservas para a edição deste ano.

“Após o Agroleite nós começamos uma lista de espera para o ano seguinte e, praticamente, desde o ano passado tínhamos todos os quartos lotados”.

Para Luiza, a proximidade do hotel com o lugar do evento é um dos motivos por essa procura antecipada. “Todos os hotéis da cidade e até de Ponta Grossa lotam e como estamos bem pertinho do Parque de exposições, acaba sendo conveniente”, enfatiza.


Em Ponta Grossa, cidade a cerca de 45km de Castro, a hotelaria também fica sem quartos disponíveis durante o evento. Segundo estimativa levantada pelo Ponta Grossa Campos Gerais Convention & Visitors Bureau com os associados, a taxa de ocupação estimada é de 80% a 90%.


Alecsandra Hypólito, gerente do Premium Vila Velha Hotel, pontua que a empresa está com 80% de ocupação para a semana da feira, porém é esperado aumento.

“Pois sempre há os hospedes que não sabem sobre o evento e acabam precisando de hospedagem na mesma semana, e não fizeram suas reservas com antecipação”.

Alecsandra pontua: “Nos preparamos desde a escala de folga e de férias para que não coincidam com a data da feira, com a produção do café da manhã e pratos do room service, com toda a manutenção do maquinário do hotel, para que ela esteja em dia e com todos os colaboradores presentes, que também aguardam ansiosos a grande ocupação dessa semana”.


Ela ainda cita o impacto socioeconômico.

“A rede hoteleira não poderia ver a feira de outro modo, senão como o mês mais esperado do ano, pois algumas das reservas para essa semana são feitas quando a do ano anterior acaba e a grande maioria são feitas com pelo menos 5 a 6 meses de antecedência”.

Se não há mais vagas em Ponta Grossa, o jeito é recorrer as cidades do entorno de Castro, caso de Tibagi a mais de 60km. Por lá, os hotéis também estão com reservas para participantes do evento, caso do Itagy Express.

“A expectativa é do hotel lotado durante a semana como no ano passado”, pontua o gerente Fabio Rodrigues.

Por lá, as reservas começam mais tarde. “Como nós estamos um pouco afastados do evento, começam as reservas perto da data (...) Sempre tem empresas nos procurando, mas as reservas começaram dia 25/07”, finaliza.


Segundo dados do Convention, no evento do ano passado, a taxa média de ocupação dos hotéis de Ponta Grossa durante a atividade foi de 80% e durante três dias estava em 97%.


Marcelo Amaral, gerente do Convention, comenta que o Agroleite traz um grande impacto na hotelaria.

“Brincamos que o evento garante o Natal das empresas porque os hotéis lotam e quando não tivemos a feira, período da Covid-19, vimos de perto o quanto a falta de uma grande atividade pode prejudicar o setor”.

O Agroleite 2023 acontece entre 8 e 11 de agosto na Cidade do Leite, Parque de Exposições Dario Macedo, em Castro. Palestras, mostras, exposições e muitos negócios são esperados na atividade com expectativa de 140 mil visitantes. A entrada é gratuita.

bottom of page